sexta-feira, 20 de maio de 2016

Professor, hoje tem aula de quê ???

Seja bem-vindo ao Blog do Professor Sinésio R. Gomes.
Na seção " Professor, hoje tem aula de quê ??? " você encontrará artigos interessantes e material das aulas teóricas e práticas. 
A seção de informações é dividida por matérias e temas dirigidos aos alunos de cursos técnicos de Eletroeletrônica, Aprendizagem Industrial na área de Eletricista de Manutenção e Engenharia Elétrica.

Diagramas de energização de Máquinas Elétricas aplicados ao Curso Técnico em Eletroeletrônica ministrados pelo Professor Sinésio Raimundo Gomes na Matéria de Manutenção de Sistemas Elétricos Industriais estão disponíveis abaixo:
  1. Motor Monofásico de capacitor permanente: 16_04_21_DM_Monofásico ;
  2. Motor Monofásico de polo distorcido: 16_04_22_DM_Polo_Distorcido ;
  3. Motor Monofásico de capacitor de partida: 16_04_23_DM_Monofásico_Capacitor ;
  4. Motor de Corrente Contínua Compound: 16_04_24_DM_Contínua_Compound ;
  5. Motor Trifásico com Reversão Manual: 16_04_25_Monofásico_Reversão_Manual ;
  6. Motor Trifásico com Reversão Manual: 16_04_25_Trifásico_Reversão_Manual ;
  7. Motor Trifásico com Trifásico YD Manual: 16_04_26_Trifásico_YD_Manual ;
  8. Motor Dahlander D / YY Manual: 16_04_27_Dahlander_D/YY_Manual ;
Diagramas de Comados Elétricos revisados aplicados ao Curso Técnico em Eletroeletrônica ministrados pelo Professor Sinésio Raimundo Gomes na Matéria de Manutenção de Sistemas Elétricos Industriais estão disponíveis abaixo: 
  1. Partida Direta de Motor de Indução Trifásico: 16_04_01 Partida Direta Motor ;
  2. Partida sem proteção de Motor de Alta Inércia: 16_04_02 Partida de Motor de Alta Inércia ;
  3. Partida de Motor com Freio Contra Corrente: 16_04_03 Partida com Freio Conta Corrente ;
  4. Partida e Reversão de Motor de Indução Trifásico: 16_04_04 Partida Direta e Reversão ;
  5. Partida de Motor com Reversão e Freio CC: 16_04_05 Partida com Reversão e Freio ;
  6. Partida Estrela Triângulo de Motor de Indução: 16_04_06 Partida Estrela Triângulo ;
  7. Partida Estrela Triangulo e Reversão: 16_04_07 Partida Estrela Triangulo com Reversão ;
  8. Partida de Motor de Indução com Compensadora: 16_04_08 Partida Compensadora ;
  9. Partida Compensadora com Reversão: 16_04_09 Partida Compensadora com Reversão ;
  10. Partida Sequencial de 4 Motores de Indução: 16_04_10 Partida Sequencial de 4 Motores ;
  11. Partida de Motor - Duplo enrolamento: 16_04_11_Dois_Bobinados_Baixa_Alta
  12. Partida e Reversão Motor - Duplo enrolamento: 16_04_12 Duplo Enrolamento e Reversão ;
  13. Partida de Motor de Indução Dahlander: 16_04_13_Dahlander_Baixa_Alta ;
  14. Partida de Motor Dahlander com Reversão: 16_04_14 Partida Dahlander com Reversão ;
  15. Partida de Motor de Rotor Bobinado - Aceleração Rotórica: 16_04_15_Partida_Rotórica ;
  16. Partida e Reversão de Motor de Rotor Bobinado : 16_04_016 Reversão Rotórica ;
  17. Partida de Motor Monofásico:
  18. Partida e Reversão de Motor Monofásico: 16_04_18 Reversão Motor Monofásico ;
  19. Partida de Motor Corrente Contínua:
  20. Partida e Reversão de Motor Corrente Contínua:
  21. Partida Suave de Motor com Soft Starter: 16_04_21 Partida Suave SSW05 ;
  22. Partida de Motor com Inversor: 16_04_22 Inversor CFW08
  23. Partida de Motor CC com Conversor CA/CC :
Diagramas de Automação Industrial e programação ladder aplicados ao Curso Técnico em Eletroeletrônica ministrados pelo Professor Sinésio Raimundo Gomes na Matéria de Manutenção de Sistemas Elétricos Industriais estão disponíveis no link a seguir:  Controle e Automação Industrial .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 21/04/2016.


quarta-feira, 4 de maio de 2016

Comandos Elétricos - Aula 09 - Partida de Motor por Chave Compensadora com Reversão

Figura 01 - Partida Compensadora com Reversão.
A partida compensadora com reversão, consiste na alimentação do motor com tensão reduzida através de autotransformador nas bobinas do motor, durante a partida. Assim, as bobinas do motor recebem somente 64% da tensão nominal e após determinado tempo haverá comutação retirando o autotransformador e o  motor  passa a receber 100% da tensão nominal. A partida compensadora com reversão proporciona ao operador, duas botoeiras, uma para que o motor gire no sentido horário e outra no sentido anti-horário.
A chave de partida compensadora alimenta o motor com tensão reduzida em suas bobinas na partida. Essa redução é feita através da ligação de um autotransformador em série com as bobinas do motor, após o motor ter acelerado, elas voltam a receber tensão nominal.
A redução da corrente de partida depende do TAP em que estiver ligado o autotransformador: TAP 65% - Redução para 42% do seu valor de partida direta ; TAP 80% - Redução para 64% do seu valor de partida direta. A chave de partida compensadora com reversão é utilizada em motores que partem sob carga; o conjugado resistente de partida da carga deve ser inferior à metade do conjugado de partida do motor.

Diagrama elétrico de Partida Compensadora com Reversão de Motor de Indução Trifásico está disponível em:  16_04_09 Partida Compensadora com Reversão .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 20/04/2016

terça-feira, 3 de maio de 2016

Comandos Elétricos - Aula 08 - Partida de Motor por Chave Compensadora

Figura 01 - Partida Compensadora.

A chave de partida compensadora alimenta o motor com tensão reduzida em suas bobinas na partida. Essa redução é feita através da ligação de um autotransformador em série com as bobinas do motor, após o motor ter acelerado, elas voltam a receber tensão nominal. 
A redução da corrente de partida depende do TAP em que estiver ligado o autotransformador: TAP 65% - Redução para 42% do seu valor de partida direta ; TAP 80% - Redução para 64% do seu valor de partida direta. A chave de partida compensadora é utilizada em motores que partem sob carga; o conjugado resistente de partida da carga deve ser inferior à metade do conjugado de partida do motor.

Diagrama elétrico de Partida Compensadora de Motor de Indução Trifásico está disponível em: 16_04_08 Partida Compensadora .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 20/04/2016


terça-feira, 26 de abril de 2016

Comandos Elétricos - Aula 07 - Partida Estrela Triângulo Automática com Reversão

Figura 01 - Partida Estrela Triangulo com Reversão.
A partida estrela triângulo com reversão, consiste na alimentação do motor com tensão reduzida nas bobinas, durante a partida. Assim, as bobinas do motor recebem somente 58% (1 ÷ √3) da tensão nominal e após determinado tempo haverá comutação automática para triângulo e as bobinas passam a receber 100% da tensão nominal. A partida com reversão proporciona ao operador, duas botoeiras, uma para que o motor gire no sentido horário e outra no sentido anti-horário.
Sequência operacional
Botoeira S1 – Energiza-se k4 e k1 (Y horário) e após o tempo pré-determinado por T1 desenergiza-se k4 e energizando k3. (∆ horário).
Botoeira S2 – Energiza-se k4 e k2 (Y anti-horário) e após o tempo pré-determinado por T1 desenergiza-se k4 e energizando k3. (∆ anti-horário).
Os intertravamentos impedem k1 e k2 de serem acionados ao mesmo tempo. O contato fechado de k3 impede que k4 e T1 fique energizado o tempo todo.
Descrição de funcionamento
Sentido horário - Pressionando S1 energizam-se os contatores k4 e k1 e o temporizador T1 que dá inicio a contagem de tempo. Neste momento, o motor está ligado em estrela e girando no sentido horário, terminando o tempo abre-se o contato do temporizador T1 desenergiza k4 e energizando k3. Agora o motor está ligado em triângulo no sentido horário.
Sentido anti-horário - Pressionando S2 energizam-se os contatores k4 e k2 (observe no diagrama de potência que k2 inverte as fase do motor) e o temporizador T1 que dá inicio a contagem de tempo. Neste momento, o motor está ligado em estrela e girando no sentido anti-horário, abre-se o contato do temporizador T1 desenergiza k4 e energizando k3. Agora o motor está ligado em triângulo no sentido anti-horário.

Diagrama elétrico de Partida Estrela Triângulo com Reversão de Motor de Indução Trifásico está disponível em:  16_04_07 Partida Estrela Triangulo com Reversão .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 20/04/2016

quarta-feira, 20 de abril de 2016

Comandos Elétricos - Aula 06 - Partida Estrela Triângulo de Motor

Figura 01 - Partida Estrela Triangulo.
A Partida estrela triângulo automática aplicada ,a motores de até 10 CV. O motor parte em configuração estrela, aonde cada enrolamento receberá a uma tensão mais baixa.
Após o motor vencer a sua inércia, o contator é atuado, convertendo a configuração para triângulo, aumentando a tensão nos enrolamentos.
Logo, para um sistema trifásico 220/ 380 V, cada enrolamento do motor inicia com 220 V e termina a partida em 380 V, no qual será sua tensão nominal. Através desta manobra o motor realizará uma partida mais suave, reduzindo sua corrente de partida em aproximadamente 1/3 da que seria se acionado em partida direta. O uso de Partida Estrela-triângulo exige que o motor tenha disponível pelo menos seis terminais e que a tensão nominal seja igual à tensão de triângulo do motor. O fechamento para triângulo só deverá ser feito quando o motor atingir pelos menos noventa por cento da rotação nominal. Logo, o ajuste de tempo de mudança estrela-triângulo deverá estar baseado neste fato.

Diagrama elétrico de Partida Estrela Triângulo de Motor de Indução Trifásico está disponível em:  16_04_06 Partida Estrela Triângulo  .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 20/04/2016

terça-feira, 19 de abril de 2016

Comandos Elétricos - Aula 05 - Partida, Reversão e Freio CC de Motor

Figura 01 - Partida e Freio com Corrente Contínua.
Uma das técnicas ainda usada para parar o motor é a frenagem por corrente contínua, que consiste em retirar a corrente alternada que alimenta o motor e injetar uma corrente contínua no motor e com isso provocando a frenagem do motor. Nesta partida, será implementada, além do freio, a reversão do motor.
A sequência operacional: Ao pressionar S1, o contator K1 é energizado, fornecendo ao motor uma corrente alternada. Quando o motor é desligado por S2 energizará os contatores K3 e K4 que injetará no motor uma contente contínua, que criará um campo magnético estacionário (fixo) no estator. Este campo se opõe ao movimento do eixo do motor, o que fará com que ocorra a frenagem. Ao pressionar S2, o contator K2 é energizado, e seus contatos principais invertem a alimentação das bobinas fazendo com que o motor inverta seu sentido de rotação. Quando o motor é desligado energizará os contatores K3 e K4 o que freará o motor.
A tensão DC injetada do motor deve ser de aproximadamente 20% da tensão de alimentação do motor, pois este procedimento provoca um aquecimento do motor.

Diagrama elétrico de Partida e Freio com Corrente Contínua de Motor de Indução Trifásico está disponível em:  16_04_07 Partida com Reversão e Freio CC .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 20/04/2016

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Comandos Elétricos - Aula 04 - Partida e Reversão de Motor

Figura 01 - Partida Direta Reversão
Partida direta com reversão, coordenada com disjuntor destina-se a máquinas que partem em vazio ou com carga e permitindo a inversão do sentido de rotação em partidas normais (< 10 s). O Relé de sobrecarga deve ser ajustado para a corrente de serviço (nominal do motor). Este tipo de partida esta previsto na norma de proteção IEC 60.947-4, que visa a eliminar os riscos para as pessoas e instalações, ou seja, desligamento seguro da corrente de curto-circuito. O conjunto estará incapaz de continuar funcionando após o desligamento, permitindo danos ao contator e o relé de sobrecarga ou outro dispositivo.
As características técnicas e dimensões de chaves de partidas comerciais podem ser consultadas nos catálogos disponíveis nos links abaixo: 14_04_005 Chave de partida Siemens 3RE

Diagrama elétrico de Partida e Reversão de Motor de Indução Trifásico está disponível em: 16_04_04 Partida Direta e Reversão ;

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 22/04/2016

terça-feira, 12 de abril de 2016

Comandos Elétricos - Aula 03 - Partida e Freio Contra Corrente

Figura 01 - Partida e Freio Contra Corrente.
A Frenagem por contra corrente é um dos métodos mais antigos utilizados para reduzir a rotação de motores elétricos, neste método as ligações do motor de indução trifásico são reconectadas para o sentido oposto de rotação.
Após ser frenado até a velocidade zero, o motor começará a girar no sentido oposto, a menos que a alimentação seja cortada em um momento tal que permita sua parada sem girar “ao contrário”, através de sensor de baixa velocidade ou temporizador. A energia é convertida em calor no motor.

Diagrama elétrico de Partida e Freio Contra Corrente de Motor de Indução Trifásico está disponível em:  16_04_03 Partida com Freio Conta Corrente .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 20/04/2016

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Comandos Elétricos - Aula 02 - Partida Sem Proteção de Motor da Alta Inércia

Figura 01 - Partida Alta Inércia
Na partida direta sem proteção de motor via contator o comando é executado através de uma botoeira de baixa potência, que energiza um contator ser rele térmico e um temporizador, que por sua vez aciona o motor, após a contagem de tempo necessária ao motor de alta inércia atingir sua rotação, o temporizador desliga um contator e liga outro contator com proteção térmica.
O tempo necessário a aceleração do motor dependerá das características do motor utilizado e da máquina ao qual o motor está acoplado. Esta partida possibilita o comando à distância de motores á baixo custo pois utiliza basicamente uma botoeira de comando e dois contatores, permite a conexão de dispositivos de proteção térmica contra sobreaquecimento no segundo contator. No entanto é indicada para motores de pequena capacidade e não atenua o pico de partida.

Diagrama elétrico de Partida sem proteção de Motor de Indução Trifásico de Alta Inércia está disponível em: 16_04_02 Partida de Motor de Alta Inércia ;

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 22/04/2016.

terça-feira, 5 de abril de 2016

Comandos Elétricos - Aula 01 - Partida Direta de Motor

Figura 01 Partida Direta
Na partida direta de motor via contator o comando é executado através de uma botoeira de baixa potência, que energiza um contator, que por sua vez aciona o motor. A capacidade elétrica do conjunto botoeira Contator dependerá das características do motor utilizado. Esta partida possibilita o comando à distância de motores, baixo custo pois utiliza basicamente uma botoeira de comando e um contator, permite a conexão de dispositivos de proteção térmica contra sobreaquecimento. No entanto é indicada para motores de pequena capacidade e não atenua o pico de partida.
A Partida direta, coordenada com fusível destina-se a máquinas que partem em vazio ou com carga em partidas normais (< 10 s). O Relé de sobrecarga deve ser ajustado para a corrente de serviço (nominal do motor) e a freqüência de manobras é de até 15 manobras por hora. Este tipo de partida esta previsto na norma de proteção IEC 60.947-4, que visa a eliminar os riscos para as pessoas e instalações, ou seja, desligamento seguro da corrente de curto-circuito. Não pode haver danos ao relé de sobrecarga ou outro dispositivo, com exceção de leve fundição dos contatos do contator e estes permitam fácil separação sem deformação significativa.
Funcionamento do circuito de Partida Direta de motor por contator protegido por fusível e relé térmico.
LIGAR: Estando sob tensão os bornes R,S ,T e o circuito de comando. Apertando-se o botão S2 a bobina do contator K1 ( A1, A2) será energizada, esta ação faz fechar os contatos principais do contator K1 (1 com 2; 3 com 4; 5 com 6) e o contato de selo K1 (13,14). A bobina se mantém energizada através do contato de selo K1 (13,14) e o motor funcionará.
DESLIGAR: Para interromper o funcionamento do contator, pulsamos o botão S1; este se abrirá, eliminando a alimentação da bobina, o que provocará a abertura do contato de selo K1 (13,14) e, consequentemente, dos contatos principais de K1 ocasionando a parada do motor.
As características técnicas e dimensões de chaves de partidas comerciais podem ser consultadas nos catálogos disponíveis nos links abaixo: 14_05_019 Chave de partida Siemens 3tw.

Diagrama elétrico de Partida Direta de Motor de Indução Trifásico está disponível em: 16_04_01 Partida Direta Motor .

© Direitos de autor. 2016: Gomes; Sinésio Raimundo. Última atualização: 22/04/2016